sábado, 16 de fevereiro de 2008

Vai acontecer uma catástrofe!...

Num dia solarengo a vaca Margarida estava a passear quando encontrou o cavalo Reinaldo e lhe disse:
- Bom dia Reinaldo!
- Bom dia Margarida!
- Vamos a casa da nossa amiga, a cabra Magricela –disse o Reinaldo.
Foram andando, andando até que chegaram à casa da Magricela.
Entraram, puseram-se à vontade e perguntaram à Magricela:
- Magricela andas um pouco esquisita.Porquê?
A Magricela hesitou mas respondeu:
- Não têm nada haver com isso!
O Reinaldo e a Margarida insistiram mas a Magricela respondeu sempre o mesmo. Até que respondeu:
- Parem de me chatear! Ainda não perceberam que não me sinto à vontade para vos contar!
- Só estamos a tentar ajudar-te! Porque somos teus amigos.
- Eu não preciso de preciso de ajuda!
O Reinaldo e a Margarida foram-se embora muito aborrecidos por causa de a sua amiga ter respondido assim. Mas o que eles não sabiam é que ia haver um incêndio na casa da sua amiga.
Então como por magia apareceu uma fada chamada Pérola Preciosa, mesmo à frente deles que lhes disse:
- Vai acontecer um catástrofe...um incêndio...na casa da vossa amiga...rápido!
Ao princípio não acreditaram mas a fada mostrou-lhes uma estrela mágica que previa o futuro e aí já acreditaram.
A Pérola , o Reinaldo,e a Margarida foram a correr para a casa da Magricela. Mas chegar a casa da dela tornou-se difícil ,como por magia tinha aparecido um bosque. Tiveram que passar muitos obstáculos: lianas, plantas carnívoras, Não-se-vêem (insectos), abelhas carnívoras...
Até, que finalmente, chegaram, mas já era tarde demais. Pensavam que nunca mais iam ver a amiga quando a Pérola lhes pôs um pó mágico para conseguirem entrar na casa da Magricela que estava a arder e salvá-la.
Entraram na casa em chamas e salvaram a Magricela.
A Magricela agradeceu e deu muitos abraços aos seus amigos.
Quando iam a agradecer a Pérola Preciosa ela já tinha desaparecido.
Passados alguns dias descobriram que a Pérola Preciosa era uma fada que estava no fundo do coração de cada um.

1 comentário:

Martinha disse...

Maravilhosa, a história!!
Só estou a comentar agora porque ainda não tinha visto!!
Se continuares a escrever assim decerteza que plublicas um livro!

Mil e um beijos

Martinha